sábado, 26 de março de 2011

Precisa ser verdade.

Um tempo atrás eu jurei para mim mesma que iria parar de falar das minhas experiencias aqui. Mas é mais forte que eu. 

Tenho sérios problemas com garotos que se apegam fácil. Não vou dizer que eu sou dessas assim irresistíveis,  pois não sou. Sou legal, simpática, meio chatinha, sou normal, sabe?
Daí surgem garotos que nem bem me conhecem, nem bem fazem parte da minha vida e agem como se me amassem. Cheguei num ponto de certo ceticismo, não acredito nesse tipo de sentimento. Nesse que as pessoas vivem dizendo sentir, é amor pra lá, pra sempre pra cá, e nenhuma reciprocidade, nenhuma verdade. 
Não que eu não acredite em amor a primeira vista, as vezes realmente acontece. Mas eu nunca me apaixonei por nenhum menino que fica me mimando. Nunca me envolvi com garotos que fazem cara de dó e ficam no meu pé. Não é ser ruim, é só que eu não vejo verdade e isso acaba me irritando. 
Então, fica a dica pros rapazes: sinceridade. Parem de querer fingir algo, parem de chamar de amor algo que nem sentimento é; não queremos loucamente um namorado, um titulo, a gente precisa de companheirismo, de equilibrio, de realidade.
Contos de fadas não existem, e relacionamentos perfeitos também não. Sempre vai ter problemas, distancias e medos, vocês bancarem os bobos não facilita as coisas. Vocês ficarem insistindo, loucamente e irracionalmente também não. Desculpem a repetição, mas é preciso equilibrio, precisa ser saudável. Ter espaço, saudade e verdade. 

10 comentários:

Priscilla Cavazzotto disse...

Ter espaço, saudade e verdade.

É.
Beijos meus e um bom final de semana pra ti.

Guigu Haili Flius disse...

Acontece ao contrario também. É irritante.

Julie Campos disse...

Meus Deus, você disse tudo agora. Realmente, vamos supor fazem nem 3 dias que você conhece e a pessoa ja diz que gosta, cara, como assim, né? Tem que saber diferenciar, e olha q nem fazemos nada demais, pelo menos ao meu ver, eu não faço nada a não ser eu mesma. Que chato isso e ai acaba que a pessoa magoa a outra por não sentir com a mesma intensidade, mas a pressa não foi nossa, né? --' a quem um dia vá entender.

mafra disse...

poxa eu devia ter aproveitado akeles momentos nossos pra saber mais sobre essa sua mente brilhante. sabias palavras, ah gostaria de te dizer que ao ver seu blog tomei gosto, e fiz um pra mim é mole? kkkk beijos

Ana Vicente disse...

Adorei!!!

Clara Soares disse...

Nossa, tudo que falou é pura verdade! já aconteceu isso comigo, odeio garotos assim!
super verdadeiro o que escreveu!

Dani Ramos disse...

De boa... eu sei como são esses garotos grudentos e sem noção. Mas assim... parece que vc eh do tipo que gosta de gente que pisa em vc. Eu sou assim tb. E isso eh ruim. Pq ás vezes, por causa desse capricho bobo, um amor de verdade passa e a gente nem vê.

Brainstorm..... disse...

Simplesmente adorei..
e me identifiquei demais com esse post!
=)

Nati Colchoc disse...

Que desabafo, eu acho que quando não é veraddeiro nós sentimos, não adianta tentar enganar ;p
Bjs.

Se puder visita la?
brightinnocence

Ilária Oliveira disse...

Concordo plenamente, não gosto e acho totalmente fingido.

http://hilariaoliveira.blogspot.com/